quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Pastor Sandro recebe e-mail acerca da pena de morte do pastor Youcef Nadarkhani

Caros amigos e caras amigas,



Acabo de tomar conhecimento da anulação da decisão sobre a pena de morte do pastor Youcef Nadarkhani pelo Supremo Tribunal do Irã. Ele havia sido condenado por conta da sua fé cristã. Nesta oportunidade, não posso deixar de destacar, mais uma vez, o esforço para sensibilizar o governo daquele país, feito pelo senador Marcelo Crivella, que foi missionário na África, para que não permitisse tal condenação fatal apenas por conta da fé cristã do pastor. Este apelo ao governo iraniano, feito no Senado Federal pelo senador Crivella, foi publicado no site da missão Portas Abertas e está transcrito abaixo.



Em nome de cristãos, religiosos de um modo geral, e dos brasileiros que defendem a liberdade religiosa, independente de terem ou não religião, agradeço o senador Crivella por mais esta postura em defesa dos direitos humanos e da liberdade religiosa. Não é a primeira vez que o vejo lutar bravamente em defesa de missionários presos, e sob riscos naquela região, por conta da fé que professam. Compartilhe isso com amigos e amigas para encorajar outros políticos com mandato a fazerem o mesmo.





Vejam a matéria:







http://www.portasabertas.org.br/noticias/2011/09/senadocrivellapedeapoioyousef/



Senador Crivella pede apoio a pastor ameaçado por pena de morte no Irã





30 set 2011 - IRÃ

O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) pediu ontem ( 29) ao Senado Federal que faça um apelo para que o pastor Yousef Nadarkhani não seja condenado à morte.





O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) pediu ontem (29) ao Senado Federal que faça um apelo para que o pastor Yousef Nadarkhani não seja condenado à morte. O pastor foi acusado de apostasia (abandono da fé): de acordo com o parlamentar, a lei islâmica, a sharia, condena à morte os iranianos que vêm de uma família muçulmana e deixam de professar o islamismo por outra fé.

Em aparte, o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), senador Paulo Paim (PT-RS), comprometeu-se a entregar um documento ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), para que seja enviado à Embaixada do Irã, em apoio ao pastor.

Além de Paim, os senadores Ana Amélia (PP-RS), Aloysio Nunes (PSDB-SP), Jayme Campos (DEM-MT) e Geovani Borges (PMDB-AP) se solidarizaram com a causa de Marcelo Crivella.

Após realizar contato com a Portas Abertas Brasil, o senador Crivella informou ao público que já transcorreu a terceira audiência na qual o pastor deveria negar sua fé no cristianismo, mas ele se recusou a fazê-lo. De acordo com o senador, o pastor também se negou a dizer qual a religião de seus antepassados.

Marcelo Crivella informou que Yousef Nadarkhani não teve a pena de morte decretada, mas continua preso. Recentemente conseguiu rever seus filhos, o que não fazia desde março. O senador informou que os advogados do pastor tentam reverter sua pena para prisão perpétua, mas isso também não interessa, uma vez que o pastor é "apenas um homem que exerce o direito de expressar sua consciência e sua liberdade religiosa".

Assista ao vídeo em que Crivella faz um apelo em favor de Nadarkhani:

http://www.youtube.com/watch?v=C2crUJBEY6I

FonteAgência Senado

Links relacionados



Obrigado!!!



Rubens Teixeira
www.rubensteixeira.com.br
www.rubensteixeira.ning.com

Twitter: @RubensTeixeira
Facebook: http://www.facebook.com/pages/Rubens-Teixeira/117046721723724 (no link, clique em "curtir", debaixo da minha foto, para ser meu amigo ou amiga no Facebook)





Visite RUBENS TEIXEIRA em: http://rubensteixeira.ning.com/?xg_source=msg_mes_network

Nenhum comentário:

Postar um comentário