quinta-feira, 23 de junho de 2016

AS ÁGUIAS DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTO - Por Sandro Gomes





A seguir apresento um pequeno esboço de seis personagens bíblicos que viveram como verdadeiras águias de Deus.

1 – Abraão, o amigo de Deus que possuia todas as qualidades da águia.

a ) Forte e Guerreiro ( Gênesis 14.13-16).
b ) Visão apurada ( Gênesis 15.5-6 ).
c ) Uma vida renovada ( Gênesis 25.1-7 ).

Abraão viveu quarenta e oito anos depois da morte de Sara. Os filhos de Quetura evidenciam a renovação do corpo de Abraão ( Gênesis 17.5-6, 15-17 ).


2 – Moisés, o homem de Deus.

a ) Forte e Guerreiro ( Êxodo 17:8-10 ).
b ) Visão ampla ( Deuteronômio 34.4-7 ).
c ) Uma vida renovada ( Deuteronômio 34.7; Salmo 90.9-10; 91.1; 92.11-15; Deuteronômio 8.4; 29.5 ).


3 – Josué e Calebe, os amigos corajosos.

a ) Visão ampla da Terra Prometida ( Números 13.1-33; 14.6-9; 24,30 ).
b ) Fortes e Guerreiros ( Josué 5.13-15; 14.6-12; Juízes 1.8-20 ).
c ) Vidas renovadas pelo Senhor (Josué 14.10,11; 24.29).

4 – O Senhor Jesus Cristo, o exemplo perfeito em todas as dimensões.

a ) O Grande Vencedor ( Lucas 11.20-22; Colossenses 2:15; Hebreus 2.14; João 16.33; Apocalípse 5.5 ).
Cristo é vencedor de Satanás no céu, EXPULSOU-O. Ele caiu.
Cristo é vencedor de Satanás no deserto. Satanás DEIXOU-O.
Cristo é vencedor de Satanás nos homens. Ele sai.
Cristo é vencedor de Satanás na cruz. Ele FERIU.
Cristo é vencedor de Satanás na ressurreição. TOMOU-LHE AS CHAVES DA MORTE E DO INFERNO
Cristo é vencedor de Satanás, em sua volta irá prendê-lo.
Cristo é vencedor de Satanás na eternidade.
“Em breve o Deus de Paz ESMAGARÁ a Satanás debaixo de vossos pés” ( Romanos 16.20 ).
b ) Visão ampla do Reino de Deus (João 1.42-48;4.35-40).
c) “Em sua vida, Jesus foi um exemplo edificante, que nos traçou normas salutares de conduta; em sua morte, um sacrifício propiciatório pelos nossos pecados; em sua ressurreição, um conquistador, em sua ascensão, um rei; em sua intercessão, um sumo sacerdote”. – Martinho Lutero.

5 – O Pequeno e Grande Apóstolo Paulo, um verdadeiro imitador do seu Mestre – Jesus Cristo ( I Coríntios 11.1 ).

a ) Forte e Guerreiro ( Efésios 6.10-11; Filipenses 4.13; II Timóteo 4.7 ).
b ) Visão Colossal da Obra Missionária (Atos 26.19; 22.11).
c ) Ministério Evangelístico Versátil:
Evangelizou pessoalmente ( Atos 13.6-12 )
Evangelizou as massas ( Atos 14.11 )
    Evangelizou as prisões (Atos 16.28-34; 28.16-20; Filipenses 1.13-14 )
Evangelizou as elites ( Atos 17.17-18 )
Cuidou dos necessitados ( II Coríntios 9.1 )
d ) Paulo, o mensageiro dinâmico:
            Paulo foi um homem: judeu para os judeus, mas um grego para os gregos, romano para os romanos, um bárbaro para os bárbaros, um homem que pôde discutir com os rabinos nas sinagogas, com os magistrados nos tribunais e com os filósofos da ciência nos seus templos. A união da cidadania romana, educação grega e religião hebraica qualificaram-no maravilhosamente para tornar-se o que nenhum dos outros apóstolos poderia ser: missionário para o mundo todo.

e ) Acabou a carreira:
Combatendo ( II Timóteo 4.7 )
Cumprindo ( Atos 20:24 )
Recomendando que obedeçamos as suas palavras         ( I Coríntios 11.1 ).

Esta é a biografía de seis homens que foram usados por Deus como verdadeiras águias espirituais. Abraão foi o escolhido por Deus para ser o pai da nação que daría o Messias ao mundo; Moisés, o legislador e profeta usado para libertar a nação eleita; Josué, o continuador da obra mosaica; Calebe, o amigo inseparável do comandante Josué; e Paulo, o verdadeiro imitador do espírito da profecia – Jesus Cristo, a águia por excelência. Bendito seja o nome do Eterno Deus que
 permitiu que estas grandes águias vissem o invisível, acreditassem no incrível e recebessem o impossível. 

Fonte: Livro O cristão e a águia na dimensão bíblica. Autor: Pastor Sandro Gomes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário