sábado, 27 de junho de 2015

Relativismo moral versus princípios absolutos

Querem relativizar o pecado em detrimento dos princípios absolutos e imutáveis da Palavra de Deus. Um dos significados de pecado é transgressão da Lei, isto é, da Lei de Deus. Outrora, adultério era visto como transgressão no nosso código penal, na pós modernidade perdeu a gravidade. Hoje o relativismo moral expressa sua rebelião contra a Lei de Deus. Como professor de Teologia há mais de 20 anos, reconheço que num estado democrático de direito não posso deixar de defender a verdade absoluta do Evangelho. Em última análise, mediante a grande investida dos inimigos de Deus contra os princípios judaicos-cristãos , convido os féis a resistirem a pressão ideológica declarada a família tradicional .

Um comentário: