segunda-feira, 2 de março de 2015

O ANIQUILAMENTO NÃO É ENSINADO NAS ESCRITURAS

Ao serem exterminados, os ímpios serão aniquilados?

Ser exterminado não significa ser aniquilado, como insistem em explicar aqueles que ensinam o aniquilamento como um estado final para os  ímpios. Em Daniel 9.26, lemos o relato profético a respeito da morte do Messias.  Se a palavra usada para indicar a sua morte é a mesma no Salmo 37.9,34, então teríamos de entender que o Messias fora aniquilado quando morreu. Sabemos, portanto, que Cristo não foi aniquilado, pois Ele ressuscitou no terceiro dia e vive para todo o sempre. O extermínio é apenas temporal; isto é, aqueles que são exterminados ainda terão de prestar contas diante do Tribunal de Cristo. Os aniquilacionistas afirmam que todos os ímpios serão aniquilados; ou seja, eles deixarão de existir, e isso para sempre.  Não encontramos  esse ensino do aniquilacionismo nas Escrituras.  Todos serão ressuscitados e prestarão contas de Deus:  E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo (Hb 9.27).  E valeria ainda citar Apocalipse 20.11-15.

Crédito:  Defesa da Fé  fevereiro  2001
    

Nenhum comentário:

Postar um comentário