sábado, 18 de janeiro de 2014

A BÍBLIA DÁ INÚMERAS EVIDÊNCIAS DE SUA CONFIABILIDADE

A Bíblia não é um compêndio científico, mas Ela está à frente da ciência no que diz em muitos pontos. Vejamos alguns  abordados por Edino Melo no seu livro Ferramenta - 100  Respostas Bíblicas para o Evolucionismo:

1. A Terra é um globo (Isaías 40.22) e flutua livremente no espaço (Jó 26.7 ).
2. A estrelas são incontáveis (Jeremias 33.22 ) e singulares (I Coríntios 15.41).
3. O Universo foi feito de elementos invisíveis  (Hebreus 11.3).
4. A luz se move (Jó 38.25) e o ar tem peso (Jó 28.25) e o vento pode soprar em ciclones (Eclesiastes 1.6).
5. O sangue é a fonte de vida e da saúde (Levítico 17.11).
6. O oceano tem nascentes (Jó 38.16), vales e montanhas (Jonas 2.6).
7. O uso da assepcia para  o controle de doença (Levítico 15.13).

É importante ressaltar que o livro de Jó é considerado o mais antigo da Bíblia, entretanto, o mesmo não se choca com as descobertas científicas. Concordo com Isaque Newton quando diz que há mais autenticidade nas Escrituras Sagradas do que em qualquer literatura profana. Já o cientista   André Marie  Ampére reconheceu a inspiração divina nos escritos de Moisés - um dos escritores da Bíblia:  "Ou Moisés tinha conhecimentos de história natural tão profundos como os do nosso século ou era inspirado. Acredito que essa é uma das razões pelas quais o doutor Martinho Lutero sempre dizia: " A Bíblia não é antiga, nem moderna, Ela é eterna."

No serviço do Mestre, Pr. Sandro Gomes


Nenhum comentário:

Postar um comentário