panelarrow

domingo, 8 de abril de 2012

A origem dos ovos e coelhos nessas festividades pagãs

Você que se diz cristão e comprou ovos e distribuiu ou ganhou. Tenha certeza que você exaltou a Eostre. Leia e visite o link abaixo: http://pt.wikipedia.org/wiki/Eostre Eostre ou Ostera é a deusa da fertilidade e do renascimento na mitologia anglo-saxã, na mitologia nórdica e mitologia germânica. A primavera, lebres e ovos coloridos eram os símbolos da fertilidade e renovação a ela associados. De seus cultos pagãos originou-se a Páscoa (Easter, em inglês e Ostern em alemão), que foi absorvida e misturada pelas comemorações judaico-cristãs. Os antigos povos nórdicos comemoravam o festival de Eostre no dia 30 de Março. Eostre ou Ostera (no alemão mais antigo) significa “a Deusa da Aurora”. É uma Deusa anglo-saxã, teutônica, da Primavera, da Ressurreição e do Renascimento. Ela deu nome ao Sabbat Pagão, que celebra o renascimento chamado de Ostara. Posteriormente, a igreja católica acabou por a Páscoa às festividades pagãs de Ostara e absorveu muitos de seus costumes, inclusive os ovos e coelhinho da Páscoa.

Fonte: Por Eliane Meyer em Acorda Igreja!

0 comentários:

Postar um comentário

Postagens Populares

Arquivo do Blog

Seguidores

Copyright © CETESH.ORG.BR | Powered by Blogger
Layout Feito por Daniel Info.